Artigos Técnicos

RTSPDA – Relatório técnico de inspeção NBR5419

RTSPDA – RELATÓRIO TÉCNICO DE INSPEÇÃO EM SISTEMAS DE PROTEÇÃO CONTRA DESCARGAS ATMOSFÉRICAS – NBR5419

Durante todo este tempo de estrada que atuamos temos nos deparados com uma diversidade de situações conflitantes que vão desde simples falhas até as que denigrem a imagem da engenheira elétrica.

Falhas de interpretação de normas técnicas são as mais comuns, mas já me deparei com um “profissional” que se vende como “Professor de SPDA” que comete vários erros e ainda utiliza-se do CREA de outro profissional para emitir ART  cedida gentilmente sem que este nem saiba o que esta emitindo. Cometendo uma gravidade perante o CREA e nossa leis.

O mercado de “venda de papel” na área da engenharia elétrica é  comum. Clientes que só querem somente cumprir alguma exigência burocrática e não pensam no objetivo maior de garantir a segurança de alguma instalação. Estes só procuram preço e aí os “profissionais” que não sabem o valor do diploma se sujeitam a fazem pouco e emitir uma responsabilidade por muito.

Neste artigo quero colocar um modelo de escopo técnico para contratação do comumente denominado  ‘LAUDO DE PARARAIO” ou “LAUDO DE SPDA”, mas corretamente como: Relatório de Inspeção de Proteção Contra Descargas Atmosféricas conforme a NBR5419.

O objetivo é tentar nivelar o trabalho de Inspeção em PDA e mostrar que não é uma tarefa simples, então deve ser cobrado um valor justo por sua responsabilidade!

Relatório de SPDA

RELATÓRIO TÉCNICO DE INSPEÇÃO DE PDA:

DEVERÁ CONTER NO MINIMO:

Análise de Risco:

Elaboração de Análise de Risco conforme caderno IV da NBR5419:2015 com a determinação do nível de proteção adequado para cada  edificação.

Análise das Documentações:

Verificação das documentações existentes referente à instalação do sistema:

  • Desenhos e projetos existentes;
  • Relatório de verificação da necessidade e determinação do nível de proteção do SPDA;
  • Medições de resistências da malha de aterramento anteriores;
  • Registro de manutenção no sistema.

Medição de resistência de malha de aterramento do SPDA:

  • Identificação dos pontos de medição em conformidade com o desenho de implantação fornecido.
  • Execução de medição de resistência de aterramento nos pontos de subsistemas de descidas necessários com equipamentos de medição com certificados de calibração válidos.
  • Verificação da integridade das conexões do sistema.
  • Elaboração de planilha com os resultados das medições.

Medição da continuidade das estruturas utilizadas como captação natural:

  • Identificação dos pontos de medição em conformidade com o desenho de implantação fornecido.
  • Execução de medição de resistência ohmica através de microhmímetro digital com certificados de calibração válidos.
  • Verificação da integridade das conexões do sistema.
  • Elaboração de planilha com os resultados das medições.

Inspeção COMPLETA do sistema de proteção contra descargas atmosféricas instaladas:

  • Verificação se as instalações de PDA estão em conformidade com a NBR 5419: 2015 e com nível de proteção estabelecido na análise de risco;
  • Vistoria do local e verificação de possíveis não conformidades no sistema de captação. Por exemplo: isoladores danificados, oxidações nas conexões, se antenas ou outros equipamentos instalados no telhado estão interligados ao sistema.
  • Caso haja utilização de captação natural através de telhas metálicas, observar se elas atendem aos requisitos mínimos exigidos pela norma ABNT NBR 5419/2015.
  • Examinar a quantidade de descidas e verificar se atendem ao nível de proteção adequado. Observar as condições dos componentes de descidas: isoladores e cabos.
  • Importante: Confirmar se, para cada descida, há um ponto de inspeção.
  • Verificação das instalações de PDA em conformidade com a NBR 5419: 2015 e com projeto de PDA apresentado.
  • Verificação de estruturas com e sem cobertura de proteção;
  • Verificação de equalizações de estruturas;
  • Verificação das condições de manutenção das instalações;
  • Verificação da conformidade das instalações atuais conforme Norma NBR5419-2015.

Verificação de equipotencializações:

  • Serão verificados os aterramentos de estruturas metálicas em geral (escadas, mezaninos, dutos e etc.);
  • Verificação de aterramento de máquinas, equipamentos e aterramentos de painéis elétricos – Verificar se no ponto de análise existe aterramento pontual;
  • Verificar se o sistema local de aterramento está interligado aos demais aterramentos;
  • Realizar testes de continuidade no sistema;
  • Verificação relacionada às condições do aterramento existente. Por exemplo: cor do condutor de aterramento, tipo do sistema: TN, TT e etc.

Verificações adicionais:

  • Verificar a necessidade de proteção adicional. Por exemplo: instalação de Dispositivos de Proteção contra Surto (DPS) e Dispositivos Residuais (DR);

Relatório Técnico de Inspeção, é composto por:

  • Objetivo do relatório;
  • Normas de referência;
  • Dados da empresa prestadora do serviço;
  • Dados da equipe técnica e respectivas qualificações responsáveis pela medição;
  • Dados do engenheiro eletricista responsável;
  • Dados da unidade inspecionada;
  • Dados da equipe técnica da unidade que acompanhou o serviço;
  • Data da realização das medições e condições climáticas;
  • Dados dos equipamentos utilizados;
  • Dados do projeto de PDA e malha de aterramento inspecionados;
  • Metodologia utilizada
  • Analise dos pontos inspecionados conforme modelos;
  • Conclusão com laudo técnico final;
  • Recomendações para as não conformidades;
  • Anexos:
    • Desenho implantação com a identificação dos pontos medidos;
    • Certificados de calibração em dia dos equipamentos utilizados;
    • Anotação de responsabilidade técnica (ART).

Laudo Técnico:

Deverá ser emitido um laudo técnico conclusivo com o resultado da avaliação perante a NBR 5419/2015, identificando com registros fotográficos e propondo soluções para as eventuais não-conformidades encontradas.

Emissão da documentação:

  • RTSPDA – Relatório técnico e orientações técnicas. Documento impresso A4 capa dura e arquivo em mídia digital pdf.
  • Cronograma de Adequação em planilha .xls.
  • ART – Anotação de Responsabilidade Técnica.
  • A documentação será enviada em mídia eletrônica por e-mail e físico via correio.

Orçamento das Regularizações:

Após a emissão do nosso RTSPDA, elaboramos um orçamento de adequação das instalações com lista de materiais, separado por edificação, assim você terá como quantificar os investimentos necessários para ficar com o seu PDA em conformidade com a ABNT NBR5419 de 2015.

Solicite um orçamento sem compromisso você também!

[contact-form-7 404 "Não encontrado"]
Eng. Glauber Maurin

About Eng. Glauber Maurin

Responder